Elevator Pitch – Como se apresentar em 30 segundos

0
32
homem esperando no elevador

Os gerentes de RH, e ainda mais os executivos da empresa, estão sempre muito ocupados, e é quase impossível chegar até eles na recepção ou simplesmente se comunicar. 

Para enviar um currículo também nem sempre é uma opção adequada, especialmente se houver um número impressionante de candidatos para um lugar vago específico.

O que um candidato que quer conseguir um emprego, tem as habilidades e conhecimentos necessários, mas não pode se declarar em tal situação? A resposta é simples.

O que é a apresentação do elevador?

O discurso do elevador (pitch do elevador), ou uma apresentação em um elevador, é uma técnica comunicativa que é amplamente usada entre startups e empresas, mas também pode ser útil ao procurar trabalho. 

Sua principal característica distintiva é a necessidade de apresentar-se a um potencial empregador ou investidor por um período limitado de tempo durante o qual o elevador mais comum transporta os passageiros até o chão. Geralmente é de 30 a 60 segundos.

Há uma pergunta bastante razoável: por que o elevador? Tudo é bastante lógico. Primeiro, os elevadores são instalados em quase todos os centros de negócios e os funcionários de todos os níveis precisam simplesmente usá-los. 

Em segundo lugar, enquanto uma pessoa vai ao seu escritório, ele provavelmente não pensa em nada importante e está pronto para perceber a informação. E sim, do elevador você não pode chegar a lugar nenhum.

A apresentação no elevador é uma maneira eficaz de alcançar uma pessoa com um cronograma apertado, para interessá-lo e continuar a conversa em um ambiente mais confortável.

E o exemplo mais bem sucedido de usar essa apresentação é o Google. Nos dias em que o atual site de busca No. 1 era apenas um projeto no papel, seus fundadores Larry Page e Sergey Brin puderam obter investimento em desenvolvimento no elevador, com impressionante Andy Bechtolshima com sua história por meio minuto.

Esta história é um pouco como um conto de fadas, mas certamente tem sua própria parcela de verdade. A apresentação no elevador é uma maneira eficaz de alcançar uma pessoa com um cronograma apertado, para interessá-lo e continuar a conversa em um ambiente mais confortável. Reunimos as principais recomendações que ajudarão você a se preparar para a conversa certa e estar no seu melhor.

Portanto, imagine que você entrou no elevador e tem uma conversa séria com uma pessoa da qual depende seu futuro emprego. Disponível – menos de um minuto. Um “elevador” pode ser uma entrevista quando você é solicitado a falar brevemente sobre si mesmo ou qualquer outro encontro com a pessoa certa (por exemplo, em uma confraternização profissional ou em uma conferência).

Regra número 1 – Pronto? Sempre pronto!

Discurso elevador na sua forma clássica, em contraste com a entrevista usual, é quase impossível prever e planejar. Você nunca saberá ao certo quando terá a chance de contar à pessoa certa sobre você. É por isso que é melhor estar quase pronto a qualquer momento. 

Mas, ao mesmo tempo, não permita que seu discurso seja como um texto aprendido. Deve ser o mais simples e claro possível. Sem definições desnecessárias e palavras “inteligentes” – chegará o momento em que você terá uma reunião completa. A naturalidade é uma das chaves para o coração do interlocutor.

Regra número 2 – Informação, informação e nada além de informação

Em um esforço para obter um pouco de atenção de um potencial empregador e uma chance, não se esqueça que seu tempo é extremamente limitado. Em 30 segundos, você precisa ter tempo para contar todos os fatos importantes sobre você que podem “enganchar”.

Marque claramente qual é a sua profissão e especialização, o que você faz e quais funções você está pronto para assumir. Até que você possa descrever claramente a posição para a qual está se candidatando, nenhuma apresentação poderá salvá-lo.

Idealmente, o discurso do elevador deve conter respostas para as perguntas “Quem é você?”, “O que você está fazendo?”, “O que você deseja receber?”.

Regra número 3 – Escrito em caneta

Ao redigir o texto da apresentação, escreva tudo o que gostaria de mencionar em um pedaço de papel. Isso inclui qualidades profissionais, conhecimento e outras vantagens como candidato. Quando a lista estiver completa, arme-se com uma caneta vermelha e comece gradualmente eliminando posições que você pode descartar. 

Continue neste espírito até que sua fala seja reduzida para o tamanho ideal de 80-90 palavras ou 8-10 frases. Idealmente, o discurso do elevador deve conter respostas para as perguntas “Quem é você?”, “O que você está fazendo?”, “O que você deseja receber?”. Um bom exemplo: “Boa tarde. Meu nome é Anna. Eu sou um gerente com 5 anos de experiência em vendas. 

Agora estou procurando emprego em uma empresa comercial. ” Uma história semelhante leva cerca de 10 segundos. O tempo restante pode ser gasto na descrição de suas habilidades.

Regra número 4 – Olhando para o interlocutor

Falando de si mesmo, é difícil abster-se de elogios e listar qualidades positivas, mas não se esqueça de que toda pessoa que estiver ouvindo você procurará o benefício em palavras para si mesmo. Por exemplo, o exemplo anterior do passo do elevador pode ser melhorado

Mencionando que um gerente com experiência em vendas possui técnicos de atendimento ao cliente, e ele tem várias dúzias de negócios bem-sucedidos em seus ativos. Isso sinalizará ao empregador que as qualidades listadas do candidato podem ser usadas para o benefício da empresa.

É importante repetir o texto em frente ao espelho ou a alguém que possa apreciar a apresentação. Pense com que entonação você vai dizer esta ou aquela frase que você quer transmitir.

Regra número 5 – Falar em voz alta

Escrever um bom discurso é apenas metade da batalha. As verdadeiras dificuldades e aventuras começarão quando você pronunciar o texto: as palavras, como se viu, não soam assim, e a segunda frase é melhor trocar com a terceira ou ser completamente removida. E acrescente a isso até mesmo um pouco de empolgação, e seu discurso nem remotamente se parecerá com a versão original. 

É por isso que é importante repetir o texto várias vezes em frente a um espelho ou a uma pessoa que possa apreciar a apresentação. Pense com que entonação você vai dizer esta ou aquela frase que você quer transmitir. Tal recepção ajudará a reunir em um momento crucial.

Regra número 6 – Reação online

A situação pode às vezes sair do controle. Isso é um fato. Naturalmente, não é possível prever tudo, mas é simplesmente necessário preparar várias opções para a apresentação. Para não ficar confuso nas formulações, faça uma lista de palavras-chave (ou um plano) para você, desenvolva-as e, claro, improvise. Isso o aproximará do sucesso.

É melhor terminar a apresentação com um convite para uma discussão mais aprofundada de todos os detalhes de uma possível cooperação, troca de cartões de visita.

Regra número 7 – O que vem a seguir?

Nota importante: o discurso do elevador não é apenas uma boa oportunidade para se dar a conhecer. O principal objetivo de tal discurso é fazer amizade e continuar a comunicação. 

É por isso que a apresentação é melhor para terminar com um convite para uma discussão mais aprofundada de todos os detalhes de uma possível cooperação, a troca de cartões de visita. Intriga seu interlocutor para que ele queira aprender mais sobre seu nível profissional e, o que é bem provável, lhe oferecer uma posição.

Regra número 8 – Minuto do empregador

Dedicamos este parágrafo àqueles que trabalham com funcionários e a quem, em maior medida, todas as apresentações e métodos descritos acima são direcionados. Essas pessoas também podem usar o discurso do elevador em seu trabalho, mas apenas vice-versa. 

Assim, vários gerentes consideram uma conversa em um elevador com seus funcionários não apenas como uma maneira de passar o tempo, mas também uma oportunidade de aprender como uma pessoa trabalha, se tem planos ou ideias. Com a abordagem correta, essas táticas podem trazer seus resultados.

Finalmente, notamos que o discurso do elevador nem é um método de negociação. Isso é uma habilidade. Deve ser constantemente desenvolvido e mantido. É provável que sua primeira apresentação falhe miseravelmente, mas não tome isso como um sinal de derrota. Concentre-se, pratique e seu discurso certamente encontrará seu ouvinte grato.

Fonte:

https://www.thebalancecareers.com/
https://www.livecareer.com/
https://www.forbes.com/leadership/
https://www.forbes.com/business/
https://www.indeed.com
https://www.monster.com/

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui