Como superar o ciúme e a possessividade

casal sofrendo

Você já foi confrontado com sentimentos de ciúme e possessividade? Estes são os dois fatores mais importantes na destruição de relacionamentos românticos e sua paz interior. E sem paz interior, não pode haver felicidade. Neste artigo, vamos ver como superar a inveja em seu casal de forma eficaz.

Estar ciente do seu comportamento e tomar a decisão de mudar já está no meio do caminho para relacionamentos saudáveis ​​e felizes!

Praticando as dicas abaixo pode se livrar desses sentimentos negativos para que você possa desfrutar de relacionamentos saudáveis.

Sinais de Ciúme

Os traços predominantes em uma pessoa ciumenta são um enorme complexo de inferioridade, falta de auto-estima e egoísmo. Embora possamos ver facilmente o egoísmo em uma pessoa invejosa, podemos não reconhecer que ela tem um complexo de inferioridade e uma falta de auto-estima.

Na verdade, muitas vezes esconde-se por trás de uma máscara de autoconfiança.

Se você é uma pessoa invejosa, o egoísmo pode surgir quando a outra metade está interessada em alguém ou algo diferente de você, mesmo que de maneira mínima. Não ser o seu centro de atenção te incomoda e o ciúme te apanha.

Nestes momentos, você não se importa com o bem-estar do outro, mas apenas com o seu.

Se você tem sentimentos como esses, é importante que você perceba que eles estão apontando para o ciúme e o egoísmo.

O desafio para você, se você é ciumento, é superar seus sentimentos de inferioridade e a necessidade excessiva de aprovação.

Inveja ou inveja?

Embora as pessoas tendam a trocar esses termos, a inveja e o ciúme são duas emoções muito diferentes. A inveja é quando você gostaria de fazer tão bem quanto a outra pessoa ou ter o que a outra pessoa tem.

Mas quando estamos com ciúmes, queremos ser a única pessoa feliz. A pessoa invejosa sempre quer privar o outro de seu sucesso, sua felicidade ou sua liberdade.

No entanto, a inveja pode ser uma coisa boa quando você usá-lo corretamente. Pode inspirar você a melhorar e melhorar sua situação.

E Possessividade Então?

No caso da possessividade, você se sente inútil a menos que alguém o ame e prove isso sobrecarregando-o com TODA a atenção dele.

Tanto o ciúme quanto a possessividade vêm da mesma fonte: uma necessidade esmagadora de amor e aprovação.

Soluções para superar o ciúme

Mesmo se você tiver essas características, você não precisa sofrer toda a sua vida. Existem técnicas que você pode usar para reduzir ou eliminar esses sentimentos negativos.

Com um pouco de prática, você pode estar no caminho para desfrutar de seus relacionamentos sem os obstáculos do ciúme e da possessividade.

Aqui estão algumas dicas que podem ajudá-lo a superar esses sentimentos:

1. Aceite-se como você é . Ninguém é perfeito! Não importa quão perfeita uma pessoa possa parecer, elas também têm falhas. Você não precisa ser perfeito para ter valor, nem ser amado para provar que é digno. Por que você deve permitir que outros julguem seu valor? Eles têm doutorado nesta área?

2. Seja legal consigo mesmo . Quando você enfrenta problemas em seu relacionamento ou um rompimento, culpar a si mesmo leva a sentimentos de culpa e inferioridade. Se necessário, culpe suas ações, mas não se culpe. Evite ter pena de si mesmo.

Em vez disso, procure o positivo em você e você se sentirá imediatamente mais valioso.

3. Acredite em mudança . Você pode pensar que o ciúme e a possessividade são uma parte intrínseca de você que não pode ser mudada.

No entanto, você só precisa ver pessoas que pararam de fumar ou se tornarem vegetarianas para perceber que qualquer mudança é possível. Se eles podem mudar, você também!

4. Ninguém pode possuir ninguém . É comum os amantes pensarem que “pertencem” uns aos outros. Esta é uma das crenças mais perigosas da pessoa ciumenta e possessiva.

Não importa o quanto você tenha se sacrificado pela sua metade, você absolutamente nunca deve pensar nisso como faria com seu carro, sua casa ou qualquer objeto.

* Se ela quiser sair, deixe-a ir. É totalmente inútil tentar prender alguém que não quer mais ficar com você. Não pode haver harmonia em tal relacionamento.

5. Encontre um hobby. Aqueles que fazem da outra pessoa o centro de sua vida são naturalmente ciumentos e possessivos. Um modo seguro de parar de centrar a sua vida na sua metade é desenvolver o seu próprio interesse. E isso não significa que você goste menos.

* Aperfeiçoe suas habilidades em seu hobby, e você notará que não ficará mais obcecado com seu relacionamento. Isso é porque você é apaixonado por algo diferente de seu parceiro.

Então, se você é ciumento e possessivo, use essas dicas para superar o ciúme, desenvolver sua auto-estima e aprender a ver as coisas como elas realmente são. Garanto-lhe que você verá seus relacionamentos florescerem em beleza e alegria!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *